| Início | Diretoria | Secretarias | Estatuto | Acordos | Serviços | Sindicalização | Links | Fale conosco |
 
Menu
História
Congressos
Documentos
Colônia de Férias
Jurídico
Esporte
Classificados
Você sabia?
Canal Aberto
Censo Étnico-Racial
Publicações
Plataforma
Bilhete
Jornal do Usuário
Carta Aberta
Informe Publicitário
Jornal da Colônia
Prestando Contas
Espaço Metroviário
Textos Literários
Espaço Aberto
Multimídia
Fotos
Vídeos
Áudios
Sindical
Fenametro
CSP - Conlutas
Intersindical
Unidos Pra Lutar
tv dos metroviarios
twiter
Metroviarios no Facebook
Resoluções do 10 Congresso
Cartilha 2% do PIB para o Transporte
Contra a violência as mulheres
Espaço Metroviário
Fenametro
siteantigo
 
Assembleia decreta greve para quarta-feira, 1º de junho
Diante da intransigência do Metrô e do governo, assembleia realizada em 26/05, com mais de 1200 metroviários, decidiu decretar greve a partir de quarta-feira, 1º de junho. Haverá assembleia de preparação no dia anterior, 31/05, terça-feira, às 18h30, no Sindicato.

Seguindo determinação do governador Alckmin, o Metrô insistiu na proposta de 6,39% de reajuste, conforme INPC/FIPE, não atendendo minimamente as principais necessidades dos metroviários apresentadas na pauta de reivindicações.

Diante de mais esta demonstração de pouco caso com o sufoco que a categoria enfrenta dia e noite para atender a população, os metroviários não tiveram alternativa, senão decretar greve para o dia 1º de junho, com assembleia de preparação a ser realizada no dia 31/05, às 18h30, no Sindicato.

Chega de sufoco! Os metroviários exigem reconhecimento e valorização! A população merece e tem direito ao transporte público com qualidade!

- Reajuste de 10,79%, conforme IGPM, para reposição da inflação;

- Produtividade de 13,80%, conforme ICV-Dieese;

- Reajuste de 13,90% para o VR;

- Aumento do valor da cesta básica e do VA para R$ 311,09;

- Equiparação salarial e Plano de Carreira;

- PPP para aposentadoria e plano de saúde para os aposentados;

- Não à privatização das L4 e L5;

- PR igualitária;

- Licença maternidade de seis meses;

- Anistia aos demitidos.

Subir PDF PDF Imprimir IMPRIMIR E-mail ENVIAR
< Anterior   Próximo >

Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Metroviários e em Empresas Operadoras de Veículos Leves sobre Trilhos no Estado de São Paulo

Sede: Rua Serra do Japi, 31 - Tatuapé  -  CEP 03309-000
Fone: (11) 2095-3600 - Fax: (11) 2098-3233
Sub-sede: Rua Cerqueira Cesar, 480, Santo Amaro. Atendimento: terças e sextas-feiras, das 9h às 17h, (fecha das 12h às 13h), fone: 7467-3841.

  sindicato@metroviarios-sp.org.br   Produção FH